Mensagem de Reflexão para o mês de Julho

 
O homem é mais propenso a contentar-se com as ideias dos outros do que a reflectir e a raciocinar.

 

VIAGENS FILOSÓFICAS

A Pirâmide de Quéops e o Mosteiro da Batalha



Vistas à distância, as pirâmides do planalto de Gizé, a doze quilómetros do Cairo, são belas, compreensíveis e em perfeita harmonia com a paisagem envolvente. É uma imagem que se retém para sempre associada à beleza inolvidável do cenário da Aida de Verdi. Mas, quando estamos perto delas, as sensações modificam-se e a sua imponência esmaga-nos.

Explorada com o olhar a alguma distância, verifica-se que a Grande Pirâmide de Gizé, (ou de Quéops), foi construída de modo que cada uma das faces se compõe, na verdade, de dois planos, formando entre eles um ângulo diedro de tal modo que, nos dias dos equinócios, da Primavera e do Outono, ao nascer do Sol, as partes Leste das faces Sul e Norte ficam na sombra, enquanto as do Oeste são repentinamente iluminadas, provocando assim um contraste de luz. Hoje, esta ocorrência é designada pelos estudiosos como o “relâmpago de Pochan” e tem a brevíssima duração de 20 segundos. O efeito consequente é observável durante cerca de 4 ou 5 minutos. Ao pôr do Sol dá-se o fenómeno inverso: quando as faces do Oeste estão na sombra, as faces do Leste mantêm-se ainda iluminadas. A declinação do Sol, nos equinócios é de 23’ em cada 24 horas.

 

https://europe.sitesme.com:2083/cpsess9641260206/viewer/home%2fc1rp8t3g%2fpununcio2/Viagens_Filosoficas_Evora_Anuncio2.jpg

 
Pirâmide de Quéops
Planalto de Gizé — cerca de 12 quilómetros da cidade do Cairo

 

VIAGENS FILOSÓFICAS - 2022

Mosteiro da Batalha

https://europe.sitesme.com:2083/cpsess9641260206/viewer/home%2fc1rp8t3g%2fpununcio2/Viagens_Filosoficas_Evora_Anuncio2.jpg

 



Em 2022 a nossa “viagem filosófica” encontrou no Mosteiro da Batalha, no distrito de Leiria, a oportunidade para admirar e estudar um monumento que é, indubitavelmente, um dos mais notáveis da Península Ibérica e de toda a Europa.

Esta visita deixou em todos os participantes uma perdurável recordação, tanto pela imponência do edifício como, simultaneamente, pelas gentilezas que receberam das entidades que se associaram ao espírito do encontro.

     A Arte do Mosteiro da Batalha

 

Em Portugal há três monumentos representativos do estilo gótico. Já visitámos um deles: o Mosteiro da Alcobaça.  Nessa oportunidade vimos que na arte gótica se identifica claramente, e nela está bem visível, a ligação entre o plano físico (humano) e o espiritual (cósmico). Todos estes monumentos são livros de pedra onde estão inseridos diversos símbolos que nos contam parte da história mística da nação e dos membros das primeiras guildas, ou grémios de construtores.

Natal e Ano Novo

 

Das copas das árvores desprendem-se agora, silenciosamente, as folhas amarelecidas e secas que vão cobrindo o solo.

É um espectáculo impressionante para o místico, que o leva a meditar sobre o fluxo e refluxo da vida e da morte.

Afinal, tudo que na face da Terra vive tem de morrer e renascer!

 
A vida é um mistério que a ciência materialista nunca pôde explicar suficientemente por não caber no âmbito acanhado da sua acção. É assunto que pertence inteiramente a um plano mais elevado, de que a ciência, absurda e teimosamente, se afasta. As suas teorias interessam ao cérebro – mas deixam vazio o coração.

A vida e a morte são apenas mutações de cena, e o mesmo se dá no reino animal e no vegetal. Sempre a vida a perseguir a morte! Sempre a morte a perseguir a vida!

Análise Médica da Morte Física de Jesus Cristo
 


Estudo efectuado por um grupo de trabalho da Mayo Clinic, Minnesota. E.U.A.

Jesus de Nazaré foi julgado por judeus e romanos, flagelado e condenado à morte por crucificação.

Os castigos infligidos produziram lacerações profundas e uma apreciável perda de sangue, criando provavelmente condições para o choque hipovolémico, o que se torna ainda mais evidente devido ao facto de Jesus se encontrar demasiado enfraquecido para transportar a cruz (patíbulo) até ao Gólgota.

1313 – 2013

A Fraternidade Rosacruz Foi Fundada Há 700 anos

Segundo Max Heindel, Cristão Rosacruz (Christian Rosencreutz) nasceu no século XIII e, já no século seguinte, em 1313, fundou-se a Fraternidade Rosacruz. Estes elementos cronológicos baseiam-se em factos históricos, mas estão intimamente relacionados com a tradição. A História é a memória dos homens — quer por reminiscência directa, quer pela que “brota” de fontes que nos “falam” ao entendimento. A tradição é uma dessas fontes, dados os imensos pontos de contacto existentes entre uma e outra.

 

loader

Presenças

Temos 53 visitantes e 0 membros em linha

Estatistica

Acessos a Artigos
7990672
1728572
Today
Yesterday
This Week
Last Week
This Month
Last Month
All days
176
932
5110
1478083
10489
19564
1728572

Your IP: 3.92.91.54
2024-07-15 06:10